A lentidão e a instabilidade dos e-commerces durante a Black Friday e a Cyber Monday custou ao varejo online brasileiro ao menos R$ 48,7 milhões. É o que diz a Sofist (www.sofist.com.br) em seu estudo anual que monitora o desempenho de e-commerces durante o evento mais importante do varejo no Brasil. É o quarto ano