A tecnologia nunca esteve tão integrada nas empresas. Operações internas, como a gestão do estoque ou a geração de relatórios de vendas, são baseadas em software. Relações com o mercado e os clientes também são mediadas por plataformas digitais. Tudo gira em torno da tecnologia.

É esse o cenário pretendido pela transformação digital nas empresas. Você já leu aqui no blog que a transformação digital consiste em uma profunda mudança na estrutura organizacional de uma empresa, que passa a colocar a tecnologia em um papel central.

Porém, é importante entender que não se trata de simplesmente “digitalizar” um modo de fazer já existente. A transformação exige repensar o modelo de negócio para que ele se adapte a uma era digital, que constrói um mercado cada vez mais exigente, ágil e competitivo.

Nesse contexto, a metodologia ágil é um recurso essencial. Adaptar-se à era em que vivemos exige que as empresas adotem processos rápidos para criar estratégias, lançar produtos e corrigir falhas. Então, os métodos ágeis oferecem uma saída para otimizar os processos e atender à velocidade e à qualidade que o mercado exige.

A seguir, vou explicar melhor por que a metodologia ágil pode ajudar na transformação digital da sua empresa, com algumas dicas importantes para fazer isso. Acompanhe:

Transformação digital pressupõe agilidade

A nossa época é marcada pela velocidade das mudanças. A cada década, o mundo está completamente diferente. A cada ano, novas tecnologias transformam o dia a dia das pessoas. A cada dia, as pessoas são bombardeadas com uma enorme quantidade de informações.

É nesse cenário que os consumidores vivem. Eles estão cada vez mais informados sobre o mercado, os produtos e as inovações, e querem respostas cada vez mais rápidas das empresas para as suas demandas. Então, as empresas também precisam operar e tomar decisões de forma cada vez mais rápida.

Segundo um estudo da Accenture sobre as tendências de tecnologia, essa agilidade será essencial nos próximos anos. Entre os executivos entrevistados, 85% acreditam que a customização de produtos e estratégias em tempo real é a próxima onda para gerar vantagem competitiva no mercado.

Com um alto potencial de coleta e análise de dados e com produtos de software capazes de automatizar ações, as empresas estão mais velozes do que nunca. Portanto, todo momento é uma chance de entregar um novo produto ou serviço pensado para cada consumidor em cada situação específica.

Porém, para atender as expectativas desse consumidor atual, as empresas precisam traçar uma nova estratégia de tecnologia e uma nova mentalidade de gestão, que se adapte às rápidas e constantes mudanças do mercado.

É aí que entra a importância da metodologia ágil. Ela traz mais velocidade para os processos ao modificar a maneira de pensar e operar.

Por que a metodologia ágil pode ajudar na transformação digital

Você acha que longas reuniões improdutivas e equipes que não dialogam ajudam a agilizar os processos? Acredita que é preciso esperar que um produto fique perfeito para lançá-lo no mercado?

Essas práticas já estão em xeque, pois criam obstáculos para a produtividade e a inovação e, consequentemente, atravancam o caminho para a transformação digital. Por isso, a metodologia ágil aparece como uma solução para aumentar a velocidade das entregas, mas também a eficiência no desenvolvimento de soluções.

Mas o que é uma metodologia ágil? De forma bem resumida, trata-se de uma abordagem para gestão de projetos que usa ciclos curtos de trabalho (iterativos e incrementais), normalmente chamados de “sprints”, para focar na melhoria contínua durante o desenvolvimento de um produto ou serviço.

Num primeiro momento, as metodologias ágeis foram pensadas para o desenvolvimento de software. Hoje elas se popularizaram e também são usadas em outras áreas de uma empresa.

Há uma série de frameworks que podem ser utilizados para implementar uma metodologia ágil (Scrum, Kanban e Lean são algumas delas). Estes frameworks, quando bem implementados, oferecem a capacidade de prototipar, experimentar e entregar uma solução rapidamente, assim como reagir aos feedbacks, sempre com foco na satisfação do usuário final.

Tradicionalmente, gestores e equipes têm receio em mudar seus processos internos de trabalho, temendo um impacto negativo, principalmente quando a empresa já opera há muito tempo utilizando uma forma de trabalho que aparentemente funciona. No entanto, a maioria dos processos internos tradicionais foram criados há muitos anos atrás (talvez décadas), em um momento em que o mercado não demandava evoluções quase que imediatas. Na era da velocidade, as mudanças devem acontecer de forma constante, e é neste ponto que a implementação de metodologias ágeis pode fazer uma grande diferença para a organização.

Como aplicar a metodologia ágil na transformação digital

Tanto a metodologia ágil quanto a transformação digital são processos incrementais. Eles nunca estão prontos, pois há sempre uma possível melhoria para entregar uma experiência mais valiosa ao cliente e ter mais resultados. Então, é com base nessa ideia que trago algumas dicas importantes para aplicar a metodologia ágil na sua empresa:

Conquiste o envolvimento da equipe

Trabalhar os conceitos de metodologia ágil e transformação digital em uma empresa exige um envolvimento de toda a equipe, dos gestores aos funcionários. Porém, essa ideia não deve ser imposta, e sim proposta e explicada aos funcionários para conquistar a sua colaboração.

Promova uma mudança de cultura

Segundo uma pesquisa da VersionOne, os maiores desafios para adotar a metodologia ágil são a cultura organizacional em desacordo com os valores ágeis (53%) e resistência à mudança (46%).

Portanto, é preciso priorizar os valores que propiciam a aplicação das metodologias ágeis: colaboração, comunicação, transparência e criação de valor, em vez de processos rígidos de governança. Além disso, a mudança constante deve ser assumida como atitude necessária para ter mais resultados e mais competitividade.

Estimule a colaboração e a liberdade

Na metodologia ágil, a colaboração é um ponto central para quebrar as barreiras entre setores e indivíduos. Equipes integradas e multidisciplinares são capazes de desenvolver melhores soluções a partir das habilidades individuais.

Cabe também aos gestores proporcionar um ambiente de confiança e transparência para fortalecer as equipes e oferecer liberdade para que elas realizem a autogestão. Isso é essencial para aumentar a agilidade das decisões.

Reforce o foco na satisfação do usuário

Em 2001, um grupo de profissionais de desenvolvimento de software criou o “Agile Manifesto”. O documento traz 12 princípios que deveriam guiar os processos na época e que até hoje orientam as metodologias ágeis.

O primeiro princípio é “nossa maior prioridade é satisfazer o cliente através da entrega contínua e adiantada de software com valor agregado”. Perceba, portanto, que o foco na satisfação do usuário final é a mentalidade que a equipe deve desenvolver, desde os primeiros passos do desenvolvimento.

A velocidade das empresas precisa acompanhar a velocidade das mudanças no mundo atual. O consumidor vive nessa constante transformação de interesses, de necessidades e de momentos.

Definitivamente, a metodologia ágil pode ajudar na transformação digital. Quanto mais a sua empresa tiver agilidade para se adaptar às mudanças com qualidade, mais vai conseguir entregar valor no momento em que as demandas surgem. Essa é uma premissa para a competitividade das empresas no mundo atual.